Entenda as diferenças entre os tipos de whey protein.

Assim como outros suplementos alimentares, o whey chama a atenção por suas múltiplas funcionalidades. Seja para ganhar massa muscular ou atingir a boa forma física, essa proteína do soro do leite age também como complemento em diversos tratamentos, como controle da diabetes e da hipertensão arterial, por exemplo. Além das formas de uso e valor, outra dúvida comum sobre o whey inclui os seus tipos: concentrado, isolado ou hidrolisado.

Muita gente ainda não consegue diferenciar os tipos de whey protein, o que é essencial para definir qual será consumido para atingir seus objetivos. Isso porque o whey é apresentado de três formas diferentes de acordo com seu grau de filtragem e de quebra das proteínas presentes, o que pode gerar dúvidas.

Afinal, qual o melhor tipo de whey protein, concentrado, isolado ou hidrolisado?

Concentrado, isolado ou hidrolisado?

Para saber diferenciar os tipos de proteína extraída do leite entre o concentrado, isolado ou hidrolisado, é importante entender que, quanto mais filtrado ele é, maior o seu valor biológico. E quanto menor é a sua partícula, melhor e mais rápida é a sua absorção e utilização pelo organismo. As fórmulas podem combinar também diferentes tipos de whey protein, para os mais diversos benefícios e ações.

Concentrado:

O whey protein concentrado foi o primeiro a ser desenvolvido. Por passar por apenas uma filtragem, contém de 30 a 80% de proteína, com o restante de caseína, lactose, gordura, carboidratos e minerais. Isso significa que sua velocidade de absorção é a mais lenta entre os três tipos, fazendo com que pessoas com algum tipo de alergia ou restrição de algum dos seus componentes (caseína, lactose etc) devam evitá-lo, já que o whey protein concentrado pode promover desconfortos abdominais ou intolerâncias.

Isolado:

Esse é o tipo de whey protein mais puro, além de concentrar mais proteínas. O whey protein isolado, reúne proteínas de absorção rápida, que passam por um processo específico de filtragem, o que aumenta sua velocidade de absorção. Esse processo possibilita a extração de 90% a mais de proteína, e “isola” elementos como lactose, caseína e gordura.

Hidrolisado:

Tipo de whey protein mais caro por sua produção complexa, que passa por uma quebra, a hidrólise, para facilitar sua digestão e absorção. Por isso, o whey protein hidrolisado (WPH) reúne quantidades das frações menores de proteínas, que são absorvidos ainda mais rapidamente pelo corpo. É altamente indicado para pessoas com dificuldade de digestão proteica e intolerância à caseína, pois sua purificação e fragmentação aumentam as chances de digestão e reduz possíveis desconfortos abdominais.

E aí, ficou mais facil diferenciar? Por essa e outras razões é necessário o acompanhamento de um profissional. Ele vai saber adequar o tipo de produto com as suas necessidades nutricionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.